* Cantinho Satkeys

Refresh History
  • H_Ruben: Boa tarde e bom fim de semana
    Hoje às 13:12
  • FELISCUNHA: ghyt74  49E09B4F e bom fim de semana  4tj97u<z
    Hoje às 10:32
  • Radio TugaNet: boas
    24 de Maio de 2019, 23:25
  • cereal killa: try65hytr pessoal  r4v8p
    24 de Maio de 2019, 22:09
  • FELISCUNHA: ghyt74 pessoal  k8h9m
    24 de Maio de 2019, 11:13
  • FELISCUNHA: ghyt74 pessoal  4tj97u<z
    23 de Maio de 2019, 09:46
  • FELISCUNHA: ghyt74 pessoal  49E09B4F
    22 de Maio de 2019, 10:37
  • henrike: Antes de ir votar, confirme o local de voto. Alguns foram alterados   [link]
    21 de Maio de 2019, 21:08
  • Radio TugaNet: boas
    21 de Maio de 2019, 20:02
  • Glauciano: bom
    21 de Maio de 2019, 14:48
  • FELISCUNHA: dgtgtr pessoal  49E09B4F
    21 de Maio de 2019, 14:00
  • cereal killa: try65hytr pessoal  r4v8p
    20 de Maio de 2019, 21:34
  • oscarmarroquino: ola a todos boa tarde
    20 de Maio de 2019, 19:53
  • FELISCUNHA: dgtgtr pessoal  49E09B4F
    20 de Maio de 2019, 12:05
  • maltatoda: Olá bom dia
    20 de Maio de 2019, 09:37
  • j.s.: try65hytr a todos
    19 de Maio de 2019, 23:00
  • vitoriano: boa tarde a todos membros
    19 de Maio de 2019, 18:25
  • FELISCUNHA: dgtgtr  49E09B4F e continuação de bom domingo  4tj97u<z
    19 de Maio de 2019, 17:28
  • boavisteiro: Muito boa tarde
    19 de Maio de 2019, 17:18
  • djmuletas: boa tarde
    19 de Maio de 2019, 15:28

Autor Tópico: Mais de metade das mulheres que abortaram já eram mães  (Lida 27 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Online Nelito

  • Sub-Administrador
  • ****
  • Mensagens: 17255
  • Karma: +2/-1
  • Sexo: Masculino
  • PORTA-TE MAL MAS COM ESTILO
Mais de metade das mulheres que abortaram já eram mães
« em: 14 de Março de 2019, 11:19 »

Em 2017, foram realizadas 15 492 interrupções de gravidez. É o valor mais baixo desde que o aborto foi legalizado em Portugal. Face a 2016, representa um decréscimo de 3%, com menos 467 abortos. Para especialistas ouvidos pelo JN, é a evolução expectável depois do pico registado no início da década. Alertando, no entanto, para a possibilidade de algum subregisto.

De acordo com os dados do gabinete de estatísticas europeu, 45% das interrupções de gravidez foram realizadas, no ano em análise, por mulheres com idades entre os 20 e os 29 anos. Sendo que foi na faixa dos 15-19 anos (que responde por 9,3% do total) que se verificou a maior quebra: menos 10% (1438 abortos). Em sentido inverso, e apesar de pouco expressivo em termos absolutos, a maior subida verificou-se na faixa etária 45-49 anos, com as interrupções de gravidez a dispararem 146% para as 118.

As estatísticas do Eurostat permitem ainda perceber que 56% dos abortos foram realizados por mulheres que já eram mães, sobretudo com mais de 30 anos de idade. Deste universo, 29% tinham já um filho e 21% dois filhos quando realizaram a interrupção de gravidez.

PORTA-TE MAL MAS COM ESTILO


 


TOP SITES

Topsiteseforuns